Código
A36

Unidade Curricular
Gestão Energética e Térmica de Edifícios

Área Científica
TEC

Periodicidade
Semestral

Semestre
6º semestre

Horas Totais
112

Horas de Contato
60

Tipologia
Teórico-Prática

ECTS
4


Resumo
Desenvolvimento de princípios e noções sobre gestão energética e articulação de sistemas passivos de captação e conservação de energia, considerando o comportamento térmico da envolvente da edificação e a respetiva relação com técnicas de isolamento e construção. Consolidação de processos para a captação de energia solar e mecanismos de produção de água quente. Aplicação do RCCTE a edifícios de habitação e serviços e estruturação do projeto de verificação das características do comportamento térmico, perspetivando o mais adequado desempenho energético dos edifícios.

Objetivos de Aprendizagem
Alertar o estudante para a relação entre as opções construtivas, de orientação e fenestração do projeto de arquitetura, e o comportamento térmico, o conforto de utilização e o consumo de energia do edifício. Avaliação de condicionalismos técnicos. Facultar ao estudante conhecimentos no domínio da gestão energética e térmica de edifícios. Alertar o discente para a relação do projeto de arquitetura com o comportamento térmico do edifício. Avaliação de condicionalismos técnicos. Analisar as metodologias de aplicação do RCCTE. Calcular as necessidades nominais de aquecimento; de arrefecimento; de água quente sanitária; e de energia primária e relacioná-las com o conforto de utilização do edifício e a racionalização do consumo de energia. Calcular o valor da contribuição de sistemas solares térmicos para a produção de água quente sanitária. Identificar as implicações das novas regulamentações de eficiência térmica, energética e de qualidade do ar, no projeto e na obra.

Conteúdos Programáticos
Materiais e elementos construtivos: condutibilidade térmica e resistência térmica; coeficientes de transmissão térmica. O novo RCCTE: a Diretiva Europeia 2002/91/CE e a sua transposição para a Ordem Jurídica Nacional; a certificação térmica e da qualidade do ar; introdução ao RCCTE. Cálculo das necessidades de aquecimento: perdas térmicas planas; pontes térmicas lineares; ventilação; ganhos solares; sombreamentos; inércia térmica. Cálculo das necessidades de arrefecimento: perdas térmicas; ganhos térmicos. Cálculo das necessidades de energia para a produção de AQS; eficiência dos equipamentos; cálculo da contribuição dos painéis térmicos solares para a produção de AQS; utilização do programa “SOLTERM”. Cálculo das necessidades energéticas dos edifícios: necessidades nominais de aquecimento e de arrefecimento; necessidades nominais de AQS; necessidades nominais de energia primária. Implicações do RCCTE nas soluções construtivas: RCCTE e RSECE nos sistemas de ventilação e climatização; compatibilização com a restante regulamentação; optimização energética/funcional dos edifícios.

Metodologia de Ensino
A aprendizagem assenta num quadro metodológico teórico-prático apoiado em conhecimentos consubstanciados em sessões teóricas, principalmente direcionadas para critérios e fundamentos do RCCTE; para além do ensino assenta na experimentação prática de problemáticas da gestão energética e térmica de edifícios, verificando características do comportamento térmico aplicado a estudo de caso. Os métodos de ensino complementam-se com visitas de estudo exploratórias e visitas

Método de Avaliação
O docente afere, aula a aula, o envolvimento e compromisso do estudante para a UC, verificando a progressão da aprendizagem e os níveis de aquisição de conhecimentos que revela na resolução de exercícios práticos. A avaliação implica o desenvolvimento e entrega de um trabalho de aplicação de conhecimentos adquiridos (avaliação intermédia) e realização de um teste escrito individual no final do período letivo. Cada momento de avaliação é acompanhado por enunciado que enquadra as questões e o âmbito das problemáticas a dar resposta.

Bibliografia
CABIROL, Thierry (1982). O aquecimento das habitações e a energia solar. Mem Martins : CETOP. Cota BDC: 620.92 / C 115 a.
HERZOG, Thomas (1984). Habiller de verre et de bois. Lausanne : Presses polytechniques romandes. Cota BDC: 620.9 / H 124.
SCHILS, Erich (1978-[19–?]). Estanquidad e impermeabilizacion en la edificacion. Barcelona : Editores técnicos asociados, Cota BDC: 699.8 / E 82 / V. 1, 2 e 3.
SHURCLIFF, William A. (1983). Una casa dentro de otra : el recurso energético a la doble envolvente. México : Gustavo Gili. Cota BDC: 699.86 / S 565 c.
VALE, Brenda [198-?]. A casa autossuficiente. Lisboa : Presença. Cota BDC: 699.86 / V 243 c.