Código
AM26C

Unidade Curricular
Organização de Eventos Culturais (Opt7)

Área Científica
AVM

Periodicidade
Semestral

Semestre
4º semestre

Horas Totais
84

Horas de Contato
36

Tipologia
Teórico-Prática

ECTS
3


Objetivos de Aprendizagem
Esta unidade curricular, especialmente dirigida aos eventos culturais (p. ex. exposições, festivais, bienais, workshops, simpósios, seminários e mesas redondas, entre outros). Pretende-se que os estudantes entrem em contacto com experiências que lhes permitam:
Compreender o planeamento, produção/montagem e gestão de recursos no âmbito dos eventos culturais;
Promover a pesquisa, análise e reflexão quanto aos processos inerentes à coordenação/ organização, exposição/ apresentação/ transmissão/ comunicação de resultados/ objetos/ atividades/ produtos/ processos culturais;
Conhecer distintos tipos de eventos;
Construir um portfólio – composto por informação sobre eventos culturais (conteúdos escritos e visuais);
Elaborar o desenho de um projeto no âmbito da organização de um evento cultural;
Realizar um relatório final de avaliação.

Conteúdos Programáticos
Planeamento: (i) definir objetivos, amplitude da intervenção (projeto vs contexto/espaço/tempo); (i) estruturação do roteiro, programa; (iii) recursos materiais/financeiros; (iv) definir comissários/coordenação; (v) contatos/relações c/ patrocinadores/promotores/autoridades/fornecedores/participantes; (vi) canais de divulgação/promoção; (vii) secretariado permanente/manutenção; (viii) encerramento e eventual devolução de materiais/equipamentos;
Funções, papéis, competências, limites (níveis estratégico, tático, operativo): agente organizador, outros agentes/equipas envolvidas;
Práticas: (i) pesquisa/trabalho de campo; (ii) portfólio c/ informação s/ eventos (imagens e textos) – considerando a análise de casos reais; (iii) projeto p/ evento (proposta escrita c/ elementos scripto-gráficos, imagem/identidade, plano de ação, calendarização, esquemas necessários técnicos/logísticos/curatoriais/de outra natureza, fundamentação escrita/relatório); (iv) relatório final avaliação.

Metodologia de Ensino
Aulas teórico-práticas suportadas por conteúdos bibliográficos e estudo de casos, que servem de base para o desenvolvimento dos trabalhos práticos. Estes exercícios suportam a discussão sobre as ações e decisões essenciais a tomar para uma correta organização de um evento cultural. Nas aulas teóricas, o docente coordena análises de casos concretos e orienta debates, recorrendo a métodos de transmissão de informação e métodos ilustrativos de análise e leitura de textos, visionamento de imagens, obras reais, documentários e outros exemplos.

Método de Avaliação
A avaliação é contínua calculada através dos seguintes parâmetros:
Trabalho de campo e construção de um portfólio/relatório composto por informação sobre eventos culturais (30%);
Projeto no âmbito da organização de um evento cultural (proposta com elementos scripto-gráficos, imagem/identidade, plano de ação, calendarização, esquemas necessários e fundamentação escrita/relatório) (30%);
Relatório final de avaliação (30%);
Participação e assiduidade (10%).

Bibliografia
Allen, J. (2008). Organização e Gestão de Eventos, Rio de Janeiro: Editora Elsevier.
Alonso, L. e Garcia, I. (2010) Diseño de exposiciones – Concepto, instalación y montage. Madrid: Alianza.
Lampugnani, V. & Sachs, A. (eds. lits.) (1999). Museus para o novo milénio: conceitos, projectos, edifícios. Munich: Prestel.
Mateus, A. (2010). Sector Cultural e Criativo em Portugal, Lisboa, (Recuperado de www.amconsultores.pt)
Montaner, J. (1990). Nuevos museos: espacios para el arte y la cultura. Barcelona: Gustavo Gili.
Montaner, J. (2003). Museus para o século XXI. Barcelona: Gustavo Gili.
Pedro, F. et al (2012). Gestão de eventos. Lisboa: Escolar Editora.
Zanella, L. (2005). Manual de organização de eventos. São Paulo: Atlas Editora.