Código
AM02

Unidade Curricular
Desenho I

Área Científica
AVM

Periodicidade
Semestral

Semestre
1º semestre

Horas Totais
224

Horas de Contato
90

Tipologia
Teórico-Prática

ECTS
8


Objetivos de Aprendizagem
Compreender o desenho como operador entre o ato percetivo e a representação desenvolvendo a sensibilidade p/ a perceção, variação da forma, texturas, cores; Distinguindo percetivamente, apreendendo conceitos de estrutura, superfície, volume, massa, aplicando-os na representação visual;
Adquirir método p/ representação da informação visual segundo: semelhança morfológica, lumínica; estabelecimento de direções, percursos, ritmos de acordo com método da perspetiva; reconhecimento de valores proporcionais, considerando qualidades físicas, plásticas de imagens, objetos, estruturas; estudo de imagens da história;
Desenvolver sensibilidade p/ seleção, utilização de meios, materiais, técnicas de representação gráfica. Articulando-os c/ o exercício compositivo e ocupação da folha projetando o desenho, reforçando-se a apreensão das vocações expressivas de instrumentos diversos, contribuindo p/ a exploração de vários tipos de desenho e a experiência plástica/conceptual.

Conteúdos Programáticos
Perceção, representação: (i) elementos estruturais da linguagem plástica – ponto, linha, forma, superfície; (ii) estrutura/volume/massa/texturas/cores; (iii) espaço – escalas/distâncias/interior/exterior/espaço panorâmico e perspectivas para o representar;
Desenho como meio: dos meios/técnicas/estratégias gráficas de representação: (i) p/ delimitar uma forma e lhe atribuir expressão, o desenho à mão levantada, de observação (interior/exterior) e desde imagens (história arte), de memória, imaginação; meios e.g. lápis, barra de grafite/carvão/tinta nanquim, suportes e.g. folha de papel A4, A3, A2, maiores, outros reutilizáveis; (ii) técnicas/estratégias gráficas de representação, e.g. o estudo, esquiço, esboço e outros processos mais experimentais.
Tópicos: objetos naturais, artificiais, modelos vivos e construídos; figura humana – partes, o todo, figura estática, em movimento; forma/estrutura, ritmos/modelação/valores tonais; outros do decorrer do exercício pedagógico.

Metodologia de Ensino
Nesta UC serão transmitidas conceções teóricas vinculadas ao desenho, à representação, a processos e procedimentos técnicos e tecnológicos, ao campo expressivo gráfico/plástico/conceptual do desenho, que posterior e simultaneamente serão desenvolvidos/explorados pelos estudantes através de diversos exercícios. As aulas terão lugar na sala de aula assim como no exterior. Mensalmente realiza-se um ponto de situação com a mostra dos desenhos e sessões de crítica comparada.

Método de Avaliação
A avaliação é contínua e em modo teórico-prático, visando-se o cumprimento dos conteúdos e objetivos da UC:
Capacidade de organização, sistematização do trabalho e domínio de diferentes modos e estratégias do desenho, materiais e técnicas de expressão gráfica/plástica (30%);
Concretização das metodologias de trabalho e cumprimento do plano de trabalhos proposto, atendendo ao seu grau de compreensão e desenvolvimento (30%);
Demonstração de capacidade de reflexão e autocrítica (30%);
Assiduidade e pontualidade (10%).

Bibliografia
Edwards, B. (2000). Nuevo aprender a dibujar con el lado derecho del cerebro. (10a ed.). Barcelona: Urano.
Gill, R. (2008). Desenho de perspectiva (4a ed.). Lisboa: Presença.
Gray, B. (1983). Consejos prácticos para diseñadores gráficos y dibujantes. México: Gustavo Gili.
Massironi, M. (1996). Ver pelo Desenho. Lisboa: Edições 70.
Molina, J. J. G. (ed.) (1999). Estrategias del Dibujo en el Arte Contemporâneo. Madrid: Cátedra.
Nicolaides, K. (1969). The natural way to draw: a working plan for art study. Boston: Houghton Mifflin.
Rawson, P. (1990).Diseño. Madrid: Nerea.
Sausmarez, M. (1970). Basic design: the dynamics of visual form. London: Studio vista.
White, G. (1968). Perspectiva para artistas, arquitectos e desenhadores. Lisboa: Presença.